terça-feira, 23 de janeiro de 2018

MULHER ENCONTRADA MORTA EM CONSTRUÇÃO NA CIDADE DE TAUÁ

Mulher encontrada morta no Rabeca já foi identificada

A vítima caiu da laje de um prédio em construção

Já está identificada a mulher que foi encontrada morta na tarde desta segunda-feira (22), no interior de um prédio em construção no Bairro Rabeca em Tauá. Familiares compareceram ao IML e fizeram o reconhecimento do corpo.

Trata-se da Maria Do Carmo Pereira Campos, natural de Independência, 50 anos, viúva, filha de Francisco Pereira Segundo, e Luíza Ferreira Campos, residente na Rua Chico Tetê, 245, próximo à Toca do Peixe, em Tauá.

Do Carmo, como a vítima era popularmente conhecida, era viúva e mãe de três filhos, um rapaz de 21, e duas crianças de 11 e 12 anos respectivamente.

O caso

A vítima foi encontrada sem vida no início da tarde de hoje, na parte subterrânea do prédio, depois de cair de uma abertura na laje, uma espécie de vão da escada que ainda não foi construída.

Socorristas do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), estiveram no local constatando o óbito. As polícias Civil e Militar isolaram a área para a realização dos trabalhos da Perícia Forense e depois, o corpo foi encaminhado ao IML desta cidade.

Ao que tudo indica a mulher caiu de ponta-cabeça e teve Traumatismo Craniano Encefálico (TCE).

Segundo um filho dela, Do Carmo tinha saído de casa na noite do domingo (21), para participar de uma seresta e não mais retornou. O evento aconteceu próximo ao local do sinistro.

Segundo a Perícia Forense, ainda não é possível dizer se a mulher caiu quando caminhava pela laje do prédio, ou se foi empurrada por alguém, mas por enquanto o caso está sendo tratado como morte suspeita.

Repórter: Lindon Johnson

0 comentários:

Postar um comentário