terça-feira, 10 de abril de 2018

BPRAIO PRENDEU AUTOR DE DIVERSOS ASSALTOS NA CIDADE DE TAUÁ

Policiais do BPRaio prenderam no início da tarde desta segunda-feira (09), um homem acusado de ter praticado diversos assaltos em Tauá. O mesmo agia contra postos de combustíveis e roubo de celulares.

O acusado, identificado por Pedro Paschoal de Oliveira Junior, conhecido popularmente por Júnior Bio, foi detido em um lava-jato próximo ao Museu Regional dos Inhamuns, nesta cidade.

Com ele, os policiais apreenderam um simulacro de arma de fogo, usado por ocasião das abordagens às vítimas.

Júnior Bio, já vinha sendo monitorado pela Polícia, pois as imagens de câmeras de vigilância eletrônica instaladas em alguns pontos da cidade mostravam um homem com as mesmas características do acusado, sendo que os Modus operandi eram sempre os mesmos, utilizando a mesma roupa e uma motocicleta Honda de cor vinho, adesivada de preto, placa: NUW 4269, com  inscrição de Tauá. A motocicleta também foi apreendida.

Segundo o Delegado Regional de Polícia Civil de Tauá, Dr. Gsileian Lima, das mais de dez vítimas que compareceram a DP para fazer o reconhecimento do acusado, Júnior Bio, foi reconhecido por pelo menos seis delas.
Segundo o delegado, o acusado já se preparava para prática de um novo assalto, quando foi flagrado pelas equipes do BPRaio, compostas pelo Cabos Hamilton e Teixeira, Soldados A. Cavalcante, Alan, Suenon, Firmino, Jair e  C. Oliveira.

Além do simulacro de pistola e da motocicleta, os policiais apreenderam roupas e tênis que eram usadas pelo assaltante durante as ações delituosas.

Dentre as ações praticadas pelo acusado, estão os assaltos acontecidos no dia 23 de março, em frente à Escola Joaquim Pimenta, dois ocorridos no dia 05 do mês de abril, sendo um próximo à ponte que liga os bairros centro e Tauazinho e outro na Avenida Odilon Aguiar, em que as vítimas tiveram seus celulares assaltados. Outro assalto atribuído ao Júnior foi praticado no Posto Avaí, cuja ação ficou registrada nas imagens das câmeras instaladas no posto.

Júnior Bio, foi autuado por infração ao Artigo 157 do CPB (por roubo), combinado com o Artigo 71 do Código penal, que é a continuidade delitiva.

Repórter: Lindon Johnson

0 comentários:

Postar um comentário