segunda-feira, 11 de junho de 2018

HOMEM FOI ASSASSINADO NA CALÇADA DE UM BAR E O ACUSADO FOI PRESO PELA PM EM TAUÁ

Homicídio em Tauá: homem foi assassinado na calçada de um bar e o autor já está preso

Uma discussão banal acabou em morte no início da tarde deste domingo (10) em Tauá. O crime aconteceu na calçada de um bar da Rua Filomeno G. Filho, mais conhecida como Por do Sol-Centro.

A vítima foi um homem identificado como sendo Francivaldo Torquato Rodrigues, 31 anos, assassinado a golpes de faca por um indivíduo de nome Jorge Yuri Rodrigues Barra, que é do município de Catarina e que estava a trabalho em Tauá.

Prisão

O autor do crime foi preso minutos após o homicídio, próximo ao Colégio Antônio Araripe, no centro de Tauá, ainda de posse da arma usada no assassinato, uma faca do tipo peixeira. A prisão foi feita pelos GCMs da equipe da Ronda Ostensiva Municipal (ROMU), Jedson, J. Nascimento e Cavalcante.

Discussão banal entre Yuri e Lelê motivou o crime

Logo cedo, o Yuri, bastante alucinado, como se tivesse usado algum tipo de entorpecente, compareceu aos Estúdios da Rádio Difusora, dizendo que havia lesionado uma pessoa e queria se entregar a Polícia. Funcionários da emissora acionaram as forças de segurança e imediatamente compareceram às instalações da Rádio as equipes da Ronda Ostensiva Municipal e do BPRaio e fizeram a condução do rapaz à 14ª Delegacia para averiguar se a história contada por ele era realmente verdadeira.

Inspetores da 14º DP levaram o mesmo até à casa da suposta vítima, o Lelê, e chegando lá ficou constatado que não havia lesão, apenas um arranhão na perna. Lelê disse aos policiais não queria representar contra o Yuri, e o mesmo foi liberado, pois não havia crime. Instantes depois, para surpresa de todos, chegava à informação que Yuri havia assassinado o Lelê, ou seja, após ser liberado, o autor se armou de faca, foi até a Rua Por do Sol e encontrou o Lelê na calçada do bar e o golpeou causando a morte do rapaz. Ao que tudo indica foi um crime premeditado.

Repórter: Lindon Johnson

As fotos mostram: vítima, acusado e arma usada no crime

0 comentários:

Postar um comentário