segunda-feira, 26 de novembro de 2018

ACUSADA DE TER PARTICIPADO DO ASSASSINATO DO PRÓPRIO FILHO FOI ESPANCADA NA CADEIA DE CRATEÚS

Maria de Sousa Morais, conhecida por Mônica, 37 anos, foi julgada na última sexta feira (23/11/2018) no fórum da cidade de Tamboril, acusada de ter participado da morte do próprio filho (uma criança de 4 anos), que foi assassinada no dia 13 de outubro de 2000, na localidade de Ponta da Serra, região do Distrito de Oliveiras - Tamboril. 

Segundo a justiça, Mônica matou o filho juntamente com o seu amante conhecido por Cícero, que atualmente se encontra foragido.   No dia de seu julgamento a mulher foi condenada a 17 anos de reclusão, e pelo fato de na cadeia de Tamboril não contar com cela feminina, a mulher condenada foi encaminhada para a cadeia pública da cidade de Crateús. 

Ao dar entrada na cadeia, Mônica foi violentamente agredida pelas outras detentas.  Mônica sofreu lesões na face e nas Costas chegando inclusive a desmaiar. 

FONTE IPAPORANGA NOTÍCIAS

0 Comments:

Postar um comentário

 
---------------------------- PATROCINADORES ------------------------------